GOVERNANÇA COLABORATIVA EM UM ECOSSISTEMA REGIONAL DE INOVAÇÃO:

O CASO DO PROGRAMA INOVA RS

Autores

  • Darlan Ariel Prochnow PPGDR/UNIJUÍ
  • Euselia Paveglio Vieira PPGDR/UNIJUÍ
  • Daniel Knebel Baggio PPGDR/UNIJUÍ
  • Sérgio Luís Allebrandt PPGDR/UNIJUÍ https://orcid.org/0000-0002-2590-6226
  • Jorge Oneide Sausen PPGDR/UNIJUÍ

Palavras-chave:

Governança colaborativa, Hélice quádrupla, Desenvolvimento regional

Resumo

Redes de cooperação entre governo, universidades, empresas e sociedade tem sido apontadas como indutoras de inovação e desenvolvimento regional. Neste sentido, o objetivo desta pesquisa é analisar como ocorre o processo colaborativo entre os agentes de governança de um ecossistema regional de inovação, o programa Inova RS. Deste modo, foi realizado estudo de caso, com abordagem qualitativa e descritiva. Os procedimentos de coleta de dados foram a entrevista em profundidade e a pesquisa documental. A técnica de análise de conteúdo foi empregada para a interpretação dos dados coletados. Os resultados mostraram que existe diálogo face-a-face entre os atores nas reuniões do programa. Em relação à construção da confiança, algumas divergências já ocorreram, principalmente entre atores que representam universidades, entretanto, foram solucionadas pelo consenso do grupo. O compromisso com o processo revelou a aceitação das deliberações, porém atores que representam empresas tem baixa participação no programa. A compreensão compartilhada ocorre quando os interesses pessoais não ultrapassam os interesses do programa. Como resultados intermediários, foram destacados a execução dos projetos de inovação com o apoio financeiro do governo estadual. As expectativas de resultados futuros recaem sobre a participação de novos atores de um maior número de municípios nas regiões Noroeste e Missões do Rio Grande do Sul, bem como a definição de um planejamento estratégico que possibilite o acompanhamento e mensuração dos resultados do programa.

Biografia do Autor

Darlan Ariel Prochnow, PPGDR/UNIJUÍ

Doutorando no PPGDR/UNIJUÍ. Bolsista Prosuc/CAPES. Mestre em Desenvolviemnto Regional pelo PPGDR/UNIJUÍ.

Euselia Paveglio Vieira, PPGDR/UNIJUÍ

Professora Adjunta do PPGDR/UNIJUÍ. Doutora em Administração pela UNAM, Argentina. Mestre em Contabilidade pela Fundação Visconde de Cairu, FVC, Brasil.

Daniel Knebel Baggio, PPGDR/UNIJUÍ

Doutor em Contabilidade e Finanças pela Universidade de Zaragoza. Mestre em Contabilidade e Finanças pela Universidade de Zaragoza. Professor Adjunto do PPGDR/UNIJUÍ.

Sérgio Luís Allebrandt, PPGDR/UNIJUÍ

Professor Titular do PPGDR/UNIJUÍ. Bolsista Produtividade em Pesquisa do CNPq. Doutor em Desenvolvimento Regional pelo PPGDR/UNISC (2010); Mestre em Gestão Empresatrial pela EBAPE/FGV (2001).

Jorge Oneide Sausen, PPGDR/UNIJUÍ

Pós-Doutor em Administração pela Fundação Getúlio Vargas; Doutor em Engenharia da Produção pela UFSC; Mestre em Administração pela UFRGS. Professor Titular do PPGDR/UNIJUÍ. Bolsista Produtividade CNPq.

Referências

ALLEBRANDT, S. L. et al. Desenvolvimento Regional na Região do Corede Missões (Rio Grande do Sul), na Perspectiva dos Agentes Públicos e Atores Sociais. In: Políticas públicas e desenvolvimento regional: atores e estratégias em regiões do Brasil. 1. ed. São Carlos: Pedro & João Editores, 2020.

ALVES, L. E. S. Governança e cidadania empresarial. Revista de Administração de Empresas, v. 41, p. 78-86, 2001.

ANSELL, C; GASH, A. Collaborative governance in theory and practice. Journal of public administration research and theory, v. 18, n. 4, p. 543-571, 2008.

BITTENCOURT, A. C. A influência das práticas empreendedoras de uma universidade na formação de ecossistemas de inovação: Um estudo à luz da teoria do trabalho institucional. Tese de Doutorado, Universidade do Vale dos Sinos, São Leopoldo, Brasil, 2019.

CAI, Yuzhuo; LATTU, Annina. Triple helix or quadruple helix: which model of innovation to choose for empirical studies?. Minerva, v. 60, n. 2, p. 257-280, 2022.

CARAYANNIS, E. G.; CAMPBELL, D.F.J. ‘Mode 3’ and ‘Quadruple Helix’: toward a 21st century fractal innovation ecosystem. International Journal of Technology Management. v. 46, nº. 3-4, p. 201-234, 2009.COPPEDGE, M. Instituciones y gobernabilidad democrática en América Latina. Madrid: Síntesis, 1995

ETZKOWITZ, H.; LEYDESDORFF, L. The dynamics of innovation: from National Systems and “Mode 2” to a Triple Helix of university–industry–government relations. Research Policy, v. 29, n. 2, p. 109-123, 2000.

FELIZOLA, M; ARAGÃO, I. M de. A regionalização do ecossistema de inovação do Rio Grande do Sul. Revista Pensamento Contemporâneo em Administração, v. 15, n. 3, p. 50-66, 2021.

GRANSTRAND, O; HOLGERSSON, M. Innovation ecosystems: A conceptual review and a new definition. Technovation, v. 90, p. 102098, 2020.

GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. São Paulo: Atlas, 2014. 6. ed. HUXHAM, C; VANGEN, S. Leadership in the shaping and implementation of collaboration agendas: How things happen in a (not quite) joined-up world. Academy of Management journal, v. 43, n. 6, p. 1159-1175, 2000.

KOMNINOS, N.; PALLOT, M.; SCHAFFERS, H. Special issue on smart cities and the future internet in Europe. Journal of the knowledge economy, v. 4, n. 2, p. 119-134, 2013.

LOPES, J.; FARINHA, L.; FERREIRA, J. J. Regional Innovation Ecosystems and Smart Specialization: opportunities and challenges for regions. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, [S. l.], v. 16, n. 1, 2020.

MALHOTRA, N. K. Pesquisa de Marketing: uma orientação aplicada. 7. ed. Porto Alegre: Bookman, 2019.

MILLER, Kristel; MCADAM, Rodney; MCADAM, Maura. A systematic literature review of university technology transfer from a quadruple helix perspective: toward a research agenda. R&d Management, v. 48, n. 1, p. 7-24, 2018.

MINAYO, M. C. S. Análise qualitativa: teoria, passos e fidedignidade. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 17, n. 3, p. 621-626, 2012.

MINEIRO, A. A. da C; SOUZA, D. L.; VIEIRA, K. C.; CASTRO, C. C.; BRITO, M. J. Da hélice tríplice a quíntupla: uma revisão sistemática. Revista Economia & Gestão, v. 18, n. 51, p. 77-93, 2018.

MOORE, James F. Predators and prey: a new ecology of competition. Harvard business review, v. 71, n. 3, p. 75-86, 1993.NORDBERG, K. Enabling regional growth in peripheral non-University regions—the impact of a quadruple helix intermediate organisation. Journal of the Knowledge Economy, v. 6, p. 334-356, 2015.

PÁDUA, E. M. M. Metodologia da pesquisa: abordagem teórico-prática. Campinas: Papiros, 1997.

PURDY, Jill M. A framework for assessing power in collaborative governance processes. Public administration review, v. 72, n. 3, p. 409-417, 2012.

SECRETARIA DE INOVAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA. Inova RS. Disponível em: https://www.inova.rs.gov.br/programa-inovars. Acesso em 01 ago. 2022.

THOMAS, L. D. W.; AUTIO, E. Innovation ecosystems in management: an organizing typology. Oxford Research Encyclopedia of Business and Management, p. 1-38, 2020.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 2 ed. Porto Alegre: Bookman, 2001.

Downloads

Publicado

2023-06-06

Como Citar

PROCHNOW, D. A. .; VIEIRA, E. P.; BAGGIO, D. K.; ALLEBRANDT, S. L.; SAUSEN, J. O. GOVERNANÇA COLABORATIVA EM UM ECOSSISTEMA REGIONAL DE INOVAÇÃO:: O CASO DO PROGRAMA INOVA RS. Anais do Simpósio Latino-Americano de Estudos de Desenvolvimento Regional, IJUÍ - RS - BRASIL, v. 3, n. 1, 2023. Disponível em: https://publicacoeseventos.unijui.edu.br/index.php/slaedr/article/view/22927. Acesso em: 25 maio. 2024.

Edição

Seção

ST3 – Políticas públicas, planejamento urbano e integração regional

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 1 2 3 4 5 6 > >>