FAKE NEWS, SAÚDE E CAMPANHAS DE VACINAÇÃO CONTRA O SARAMPO:

REVISÃO CONCEITUAL

Autores

  • Adriane Fátima De Boni PPGDR/UNIJUÍ
  • Larissa Zanela Mendes PPGDR/UNIJUÍ
  • Airton Adelar Mueller PPGDR/UNIJUÍ

Palavras-chave:

Fake News. Desinformação. Saúde. Vacinação. Sarampo.

Resumo

O presente artigo faz uma revisão conceitual sobre as fake news relacionadas à saúde e campanhas de vacinação contra o sarampo. A partir da metodologia qualitativa, realizou-se uma revisão de literatura, cuja divisão se deu da seguinte forma: primeiramente, investiga as origens históricas das fake news; em seguida, problematiza o fenômeno do surgimento da comunicação online e sua relação com as notícias falsas; na sequência, distingue o conceito de fake news e outros similares, como pós-verdade e desinformação; faz, ainda, a descrição do impacto das fake news sobre a área da saúde e da vacinação; e por fim, traz algumas possíveis respostas para o problema das notícias falsas, a partir de contribuições recentes de entidades e grupos de combate à desinformação. Como resultados, foi identificado o aumento crescente no quantitativo de famílias que deixaram de imunizar as crianças em decorrência da forte atuação de grupos antivacina, o que fez ressurgirem doenças já controladas em território nacional, como o sarampo e a poliomielite.

Biografia do Autor

Adriane Fátima De Boni, PPGDR/UNIJUÍ

Doutoranda em Desenvolvimento Regional no PPGDR/UNIJUÍ. Mestre em Desenvolvimento Regional pelo PPGDR/UNIJUÍ. Bacharel em Comunicação Social pela Unijuí. Bolsista Prosuc/CAPES.

Larissa Zanela Mendes, PPGDR/UNIJUÍ

Doutoranda em Desenvolvimento Regional no PPGDR/UNIJUÍ. Mestre em Políticas Públicas pela UNIPAMPA. Bacharel em Ciência Política pela Unipampa. Bolsista Prosuc/CAPES.

Airton Adelar Mueller, PPGDR/UNIJUÍ

Doutor em Sociologia pela Freie Universität Berlin-Alemanha. Pós-Doutor em Desenvolvimento Regional pelo PPGDR/UNIJUÍ.  Mestre em Desenvolvimento Regional pelo PPGDR/UNISC. Professor Adjunto do PPGDR/UNIJUÍ.

Referências

ALLCOTT, H.; GENTZKOW, M. Social media and fake news in the 2016 election. Journal of Economic Perspectives, v. 31, n. 2, p. 211-236, 2017. Disponível em: http://www.nber.org/papers/w23089.pdf. Acesso em: maio 2020.

ANDERSON, C.W.; BELL, Emily; SHIRKY, Clay. Jornalismo pós-industrial: adaptação aos novos tempos. Revista de Jornalismo ESPM, São Paulo, n. 5, ano 2, abr. mai. jun. 2013, p. 30-89. Trad. Ada Félix.

BOUNEGRU, L.; GRAY, J.; VENTURINI, T.; MAURI, M. A Field Guide to Fake news. Public ARTIGOS | 167, 2017.

BRAZ, Runan. Queda da cobertura vacinal contra sarampo evidencia falhas na política de saúde. Disponível em: https://drauziovarella.uol.com.br/infectologia/queda-da-cobertura-vacinal-contra-sarampo-evidencia-falhas-na-politica-de-saude/. Acesso em 15 de junho de 2020.

BUCCI, Eugênio. da ECA – USP, em seminário denominado “Fake News e Democracia”, organizado pela Escola de Direito da FGV – SP, em 12 mar. 2018.

CAMPOS, L. O que são Fake News?. Disponível em <https://brasilescola.uol.com.br/curiosidades/o-que-sao-fake-news.htm>. Acesso em 23 de maio de 2020.

CASTELLS, Manuel. A sociedade em rede. São Paulo: Paz e Terra, 1999.

CASTILHO, Carlos. Apertem os cintos: estamos entrando na era da pós verdade. Observatório da Imprensa. São Paulo, ed. 921, 28 set. 2016. Disponível em: https://goo.gl/8sZdzP acesso em novembro de 2020.

CHRISTOFOLETTTI, Rogério. Padrões de manipulação no jornalismo brasileiro: fake News e a crítica de Perseu Abramo 30 anos depois. Revista Rumores, São paulo, n. 23, v. 12, jan/jun. 2018. https://doi.org/10.11606/issn.1982-677.rum.2018.144229 acesso dezembro de 2020.

DALMAZO, C.; VALENTE, J. C. L. Fake news nas redes sociais online: propagação e reações à desinformação em busca de cliques. Media & Jornalismo, v. 18, n. 32, p. 155-169, 2018. Disponível em: < https://doi.org/10.14195/2183-5462_32_11>. Acesso em: 20 jun. 2020.

DAVENPORT, L. Aumento das fake news põe em risco os pacientes com câncer. Lancet Oncology, Medscape, Estados Unidos da América (EUA), Nova York (NY), p. 19-1135, 10 out. 2018.

D’ANCONA, Matthew. Pós-verdade: a nova guerra contra os fatos em tempos de Fake News. Barueri: Faro Editorial, 2018. https://doi.org/10.20396/etd.v21i1.8652833 acesso em dezembro de 2020

FAUSTO NETO, Antônio. Midiatização - prática social, prática de sentido. Paper Compós. Bauru, 2006. In: http://www.compos.org.br/data/biblioteca_544.pdf.

FISCHER, MARC. Uma grande roubada. Na era do remix e da agregação, fica difícil definir o que é plágio. Revista de Jornalismo ESPM, São Paulo, n. 13, ano 04, abr./mai./jun. 2015, p. 20-27.

GENRO FILHO, Adelmo. O segredo da pirâmide: para uma teoria marxista do jornalismo. Porto Alegre: Tchê!, 1989.

GRANEZ, Marcio da Silva. De Gutenberg ao jornalismo pós-industrial: o percurso do autor no webjornalismo do interior. Santa Maria: UFSM, 2018. Tese de doutorado. 261 p.

GRANOVETTER, Mark. The strenght of weak ties: a network theory revisited. Sociological Theory, vol. 01, 1983. vol. 1, 1983, p. 201-233.

GUROVITZ, Helio. Verdade, jornalismo e democracia. Parte I: o paradoxo. G1, 26 de dezembro de 2016. Disponível em: http://g1.globo.com/mundo/blog/helio-gurovitz/post/verdade-jornalismo-e-democracia-parte-i-o-paradoxo.html. Acesso em 20 de dezembro de 2016.

______. O inverno das redes sociais. G1, 30 de julho de 2018. Disponível em: https://g1.globo.com/mundo/blog/helio-gurovitz/post/2018/07/30/o-inverno-das-redes-sociais.ghtml. Acesso em 31 de julho de 2018.

HARARI, Yuval Noah. Sapiens: uma breve história da humanidade. 51. ed. Porto Alegre: L&PM, 2020. (Trad. Janaína Marcoantonio) 464 p.

HJARVARD, Stig. Midiatização: Teorizando a mídia como agente de mudança social e cultural. Matrizes, São Paulo, v. 5, n. 2, 2012. pp. 53-91. http://www.matrizes.usp.br/index.php/matrizes/article/view/338. Acesso em 12 de abril de 2015.

HENRIQUES, Claudio Maierovith Pessanha. A dupla epidemia: febre amarela e desinformação. RECIIS - Revista Eletrônica de Comunicação, Informação e Inovação na Saúde, 2018, jan-mar; 12 (1) p. 9-13. Disponível em www.reciis.icict.fiocruz.br. Acesso em maio de 2020.

ILLADES, Esteban. Fake News: la nueva realidad. Ciudad de México: Grijalbo, 2018

MACHADO, Caio C. Vieira; DOURADO, Daniel. A.; SANTOS, João Guilherme; SANTOS, Nina. Ciência contaminada. Analisando o contágio de desinformação sobre coronavírus via Youtube. Instituto Nacional de Ciência & Tecnologia em Democracia Digital, 2020.

MARDA, Vidushi; MILAN, Stefania. Wisdom of the crowd: multisakeholders perspective on the fake news debate. Annenberg School: University of Pennsylvania, 2018. Disponível em: https://papers.ssrn.com/sol3/papers.cfm?abstract_id=3184458. Acesso em 15 de junho de 2018.

McLUHAN, Marshall. Os meios de comunicação como extensões do homem (understanding media). 5. ed. São Paulo: Cultrix, 1979.

OBJETHOS. Guia de cobertura ética da Covid-19. Florianópolis, 2020. Disponível em: file:///D:/Documents/2020/checagem%20-%20NUJOC%20-%20coronav%C3%ADrus/subs%C3%ADdios/guia_covid_objethos.pdf. Acesso em: 10 setembro de 2020.

PAULA, L. T.; BLANCO, Y. A.; SILVA, T. R. S. Pós-verdade e fontes de informação: um estudo sobre fake news. Revista Conhecimento em Ação, Rio de Janeiro, v. 2, n. 1, jan./jun. 2018. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/rca/article/view/16764/11221. Acesso em: junho de 2020

POSETTI, Julia; BONTCHEVA, Kalina. Desinfodemic: deciphering COVID-19 desinformation. Paris: Unesco, 2020. Disponível em: https://en.unesco.org/sites/default/files/disinfodemic_deciphering_covid19_disinformation.pdf. Acesso em 20 de junho de 2020.

RECUERO, R. Redes sociais na internet, difusão de informação e jornalismo: elementos para discussão. Metamorfoses jornalísticas, 2020. Disponível em: http://www.raquelrecuero.com/artigos/artigoredesjornalismorecuero.pdf. Acesso em abril 2020.

RÊGO, Ana Regina. O mercado da desinformação ganha aliados com a tecnologia deepfake. Disponível em: http://nujocchecagem.com.br/o-mercado-da-desinformacao-ganhaaliados-com-a-tecnologia-deepfake/. Acesso em 2 de setembro de 2020.

SACRAMENTO, Igor; PAIVA, Raquel. Fake news, WhatsApp e a vacinação contra febre amarela no Brasil. Matrizes, São Paulo, vol. 14, n. 1, jan./abr. 2020.

SENADO. Fake news ameaçam vacinação. Correio Braziliense, n. 20157, Política, p. 4. 2018. Disponível em: http://www2.senado.leg.br/bdsf/bitstream/handle/id/546210/noticia.html?sequence=1. Acesso:

SHAO, C. et al. The spread of misinformation by social bots. arXiv, p.1-16, 2017. Disponível em: <https://arxiv.org/pdf/1707.07592v3.pdf>. Acesso em: 10 junho 2020.

SILVA, Marcelo Pereira da. Produção, Comunicação e Representação do Conhecimento e da Informação. Ponta Grossa, PR: Atena Editora, 2020.

SOUZA, Jorge Pedro. Teorias da notícia e do jornalismo. Chapecó: Argos, 2002.

SPINELLI, Egle M.; SANTOS, Jéssica de A. Jornalismo na Era da Pós-verdade: fact-checking como ferramenta de combate às fake News. Revista Observatório, Palmas, v. 4, n. 3, p. 759-782, maio. 2018. ISSN nº 2447-4266. Disponível em https://doi.org/10.20873/uft.2447-4266.18v4n3p759 acesso em dez 2020.

THE ECONOMIST. Once considered a boom to democracy, social media have started to look like its nemesis. New York, San Francisco and Washington, DC, nov. 4th, 2017.

UNESCO. Jornalismo, fake news & desinformação: manual para educação e treinamento em jornalismo. Paris: Unesco, 2019.

VASCONCELLOS-SILVA, P. R.; CASTIEL, L. D.; GRIEP, R. H. A sociedade de risco midiatizada, o movimento antivacinação e o risco de autismo. Ciência & Saúde Coletiva, p. 607-616, 2015. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/csc/v20n2/1413-8123-csc-20-02-0607.pdf>. Acesso em: 20 de maio de 2020.

VIEIRA, L. M. V.; SILVA, N. R.; CORDEIRO, D. F. Análise descritiva das fake news da saúde através de mineração de textos no Portal da Saúde. Intercom – Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação. Anais.. XXI Congresso de Ciências da Comunicação na Região Centro-Oeste, Goiânia, 2019.

WOLF, Mauro. Teorias da comunicação. Lisboa: Presença, 1984.

Downloads

Publicado

2023-06-06

Como Citar

DE BONI, A. F.; MENDES, L. Z. .; MUELLER, A. A. FAKE NEWS, SAÚDE E CAMPANHAS DE VACINAÇÃO CONTRA O SARAMPO:: REVISÃO CONCEITUAL. Anais do Simpósio Latino-Americano de Estudos de Desenvolvimento Regional, IJUÍ - RS - BRASIL, v. 3, n. 1, 2023. Disponível em: https://publicacoeseventos.unijui.edu.br/index.php/slaedr/article/view/22953. Acesso em: 22 maio. 2024.

Edição

Seção

ST3 – Políticas públicas, planejamento urbano e integração regional

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

<< < 1 2