COOPERATIVISMO E GOVERNANÇA: UM ESTUDO DA COOPERATIVA DE FRUTICULTORES DE PANAMBI/RS

Autores

  • Deise de Moura Tolfo PPGDPP/UFFS
  • Carlos Eduardo Ruschel Anes PPGDPP/UFFS
  • Dione Joel Thomas PPGDPP/UFFS
  • Euclides Spies PPGDPP/UFFS
  • Rozelaine Rubia Bueno D’Almeida
  • Schana Shirley Silva PPGDPP/UFFS

Palavras-chave:

Cooperativismo, Governança, Tomada de Decisão

Resumo

O presente estudo teve por objetivo descrever a percepção dos cooperados, conselheiros, presidente e gestor da Frutipan quanto às estruturas de governança praticadas, que são realizadas por meio da participação dos cooperados. Para tanto, o percurso metodológico se deu através da pesquisa fenomenológica com objetivos descritivos. A natureza da abordagem desta pesquisa é a investigação qualitativa. A metodologia, por seu turno, teve como base a aplicação de um questionário para dez participantes, cujo objetivo foi identificar a percepção sobre governança e tomada de decisão. A transcrição das entrevistas e a realização da análise de conteúdo foram as técnicas escolhidas para obtenção dos resultados da pesquisa. Assim, foram delimitadas as seguintes categorias analíticas para a descrição dos resultados: i) Caracterização do gestor, conselheiros e cooperativados; ii) Descrição dos aspectos hierárquicos da cooperativa; iii) Percepção dos participantes sobre os processos de governança e tomada de decisão na cooperativa. Os resultados demonstram que a cooperativa Frutipan desempenha seus processos de governança através de princípios do cooperativismo e, por isso, as decisões tomadas sobre o futuro da cooperativa são estabelecidas por critérios democráticos, nos quais cada cooperado decide por meio de voto.

Biografia do Autor

Deise de Moura Tolfo, PPGDPP/UFFS

Mestranda em Desenvolvimento e Políticas Públicas no PPGDPP/UFFS. 

Carlos Eduardo Ruschel Anes, PPGDPP/UFFS

Doutor em Desenvolvimento Regional pelo PPGDR/UNISC. Professor e Pesquisador do PPGDPP/UFFS - Campus de Cerro Largo/RS.

Dione Joel Thomas, PPGDPP/UFFS

Mestrando em Desenvolvimento e Políticas Públicas no PPGDPP;UFFS. 

Euclides Spies, PPGDPP/UFFS

Mestrando em Desenvolvimento e Políticas Públicas no PPGDPP/UFFS. 

Rozelaine Rubia Bueno D’Almeida

Mestre em Integração Latino-Americana pela Universidade Federal de Santa Maria – UFSM.

Schana Shirley Silva, PPGDPP/UFFS

Mestranda em Desenvolvimento e Políticas Públicas no PPGDPP/UFFS.

Referências

AUGUSTO, A. Metodologias quantitativas/metodologias qualitativas: mais do que uma questão de preferência. In: Fórum Sociológico. Série II. CESNOVA, 2014. p. 73-77. Disponível em: https://journals.openedition.org/sociologico/1073. Acesso em: 10 jan. 2022.

BARREIROS, R. F; PROTIL, R. M; MOREIRA, V. R. Processo decisório nas cooperativas

agroindustriais do Paraná: uma análise comparativa utilizando o modelo racional e o modelo político de decisão. Revista de Contabilidade e Organizações, v. 2, n. 4, p. 3-22, 2008. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/rco/article/view/34718. Acesso em: 22 mai. 2022.

BEILER, F; LENZ, T. C. Z; SAMPAIO, C. A. C. Tomada de decisão na ambiência do cooperativismo. Perspectivas Contemporâneas, v. 9, n. 1, p. 59-78, 2014. Disponível em: https://revista2.grupointegrado.br/revista/index.php/perspectivascontemporaneas/article/view/463. Acesso em: 15 jun. 2022.

BRASIL. Instrução Normativa nº 49, de 26 de setembro de 2018. Disponível em: https://www.in.gov.br/web/guest/materia//asset_publisher/Kujrw0TZC2Mb/content/id/42586576/do1-2018-09-27-instrucao-normativa-n-49-de-26-. Acesso em: 15 jul. 2021.

BRASIL. Lei n. 5.764, de 16 de dezembro de 1971 (1971). Define a Política Nacional de Cooperativismo, institui o regime jurídico das sociedades cooperativas, e dá outras providências. Brasília, 1971. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l5764.htm. Acesso em: 25 jun. 2021.

CANQUERINO, Y. K. O nível de adoção das práticas de governança corporativa em cooperativas no Oeste do Paraná. 2019. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Rural Sustentável) – Universidade Estadual do Oeste do Paraná. Marechal Cândido Rondon. 2019. Disponível em: http://131.255.84.103/bitstream/tede/4569/5/Yogo_Canquerino_2019.pdf. Acesso em: 06 set. 2021.

DA SILVA, J. A. O papel das cooperativas no desenvolvimento econômico local: um estudo de caso na cooperativa Coopernorte. Desafios. Revista Interdisciplinar da Universidade Federal Do Tocantins, v. 4, n. 4, p. 51-69, 2017. Disponível em: https://sistemas.uft.edu.br/periodicos/index.php/desafios/article/view/3883. Acesso em 05 set. 2022.

DAVIS, P; NETO, S. B. Governança e gestão de capital social em cooperativas: uma abordagem baseada em valores. Economia Solidária e Ação Cooperativa-ESAC, v. 5, n. 1, p. 1-24, 2010. Disponível em: http://revistas.unisinos.br/index.php/esac/article/view/18871. Acesso em: 20 mai. 2022.

DOS REIS, M. B; WIZNIEWSKY, C. R. F. A territorialização do cooperativismo no âmbito legal. Boletim de Geografia, v. 36, n. 1, p. 131-141, 2018. Disponível em: https://periodicos.uem.br/ojs/index.php/BolGeogr/article/view/34563. Acesso em: 10 jul. 2021.

ESAU, C.; DEPONTI, C. M. Tomada de decisão pela diversificação: uma alternativa para agricultura familiar na microrregião de Santa Cruz do Sul/RS. DRd-Desenvolvimento Regional em debate, v. 10, p. 439-460, 2020. Disponível em: http://www.periodicos.unc.br/index.php/drd/article/view/2749. Acesso em: 03 jun. 2021.

I.B.G.C. INSTITUTO BRASILEIRO DE GOVERNANÇA CORPORATIVA. Guia das melhores práticas de governança para as cooperativas. São Paulo, 2015.

IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Pesquisas. Índice de Desenvolvimento Humano 2010. Disponível em: IBGE. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Produção da Pecuária Municipal. 2019. Disponível em: https://cidades.ibge.gov.br/brasil/rs/panambi/pesquisa/37/30255. Acesso em: 12 jan. 2022.

JUNIOR, O. de P. O; WANDER, A. Cooperativismo agroindustrial: diagnóstico atual da região centro-oeste brasileira. Revista de Gestão e Organizações Cooperativas, v. 7, n. 13, 2020. Disponível em: https://periodicos.ufsm.br/rgc/article/view/38585/pdf_2. Acesso em: 10 jul. 2021.

LACOMBE, F. J. M. Dicionário de Administração. São Paulo: Saraiva, 2004, 263p.

LARA, B. La decisión: un problema contemporáneo. Madrid, Espasa-Colpe, 1991, 462 p.

MARTINS, H. H. T. Metodologia qualitativa de pesquisa. Educação e pesquisa, v. 30, p. 289-300, 2004. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ep/a/4jbGxKMDjKq79VqwQ6t6Ppp/abstract/?lang=pt. Acesso em: 07 jan. 2022.

OCB, Organização das Cooperativas do Brasil. Anuário do Cooperativismo Brasileiro: 2020. Disponível em: http://novo.ocbes.coop.br/arquivos/PUBLICACOES/1608152662Anuario_2020-vf%20(1).pdf. Acesso em: 25 jun. 2021.

OCESC. Organização das Cooperativas Brasileiras. Manual de Boas Práticas de Governança do Cooperativismo. 2022. Disponível em: http://www.ocesc.org.br/documentos/manual_boas_praticas.pdf. Acesso em: 13 abr. 2022.

OLIVEIRA, A. R. O associativismo na região do Pontal do Paranapanema-SP: limites e possibilidades para o desenvolvimento rural. 2010. 209 p. Tese de doutorado - Universidade Estadual Paulista, Faculdade Ciências e Tecnologia, 2010. Disponível em: http://hdl.handle.net/11449/105066. Acesso em: 26 jun. 2021.

PANAMBI. Prefeitura Municipal. Dados gerais do município. Disponível em: https://panambi.atende.net/cidadao. Acesso em: 05 mai. 2022.

PEREIRA, M. J. L.de B., FONSECA, J. G. M. Faces da decisão: as mudanças de paradigmas e o poder da decisão. São Paulo: Makron Books, 1997.

PIES, M. P.; BAGGIO, D. K.; DO CARMO R. M. Participação dos associados: um pilar estratégico de governança do cooperativismo. Revista de Administração IMED, v. 6, n. 2, p. 221-236, 2017. Disponível em: http://seer.imed.edu.br/index.php/raimed/article/view/1579/1085. Acesso em: 02 set. 2021.

PINHO, D. O pensamento cooperativo e o cooperativismo brasileiro: manual do cooperativismo. São Paulo: USP; Saraiva, 1982a (Volume 3). Disponível em: https://archive.org/details/OCOOPERATIVISMONOBRASIL/page/n29/mode/2up?q=22.239+1932+. Acesso em: 25 jun. 2021.

ROTTA, E.; BÜTTENBENDER P. L.; HÖFLER, C. E. A presença dos princípios do cooperativismo no Noroeste do Rio Grande do Sul: revisitando a tradição histórica. In: CORAZZA, G.; RADIN, J. C. (Org.). Fronteira Sul – ensaios socioeconômicos. Florianópolis: Insular, 2016. p. 163-194.

SCHMIDT, D; PERIUS, V. Cooperativismo – cooperativa. In: CATTANI, A. D. (Org.). A outra economia. Porto Alegre: Veraz Editores, 2003. p. 63–71.

SEBRAE. Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Rio Grande do Sul. Perfil das cidades gaúchas, 2020. Disponível em: https://datasebrae.com.br/municipios/rs/Perfil_Cidades_Gauchas-Panambi.pdf. Acesso em: 02 out. 2021.

SINGER. P. Introdução à Economia Solidária. Paul Singer. 1ª ed. São Paulo: Editora Fundação Perseu Abramo, 2002.

TRIVINÖS, A. N. S. Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo, Atlas, 1987. Cap 2, p. 30-75.

WAACK, R. S; MACHADO FILHO, C. P. Administração estratégica em cooperativas agroindustriais. In: Proceedings of the Workshop Brasileiro de Gestão de Sistemas Agroalimentares. 1999.

Downloads

Publicado

2023-06-06

Como Citar

TOLFO, D. de M.; ANES, C. E. R.; THOMAS, D. J.; SPIES, E.; D’ALMEIDA, R. R. B.; SILVA, S. S. COOPERATIVISMO E GOVERNANÇA: UM ESTUDO DA COOPERATIVA DE FRUTICULTORES DE PANAMBI/RS. Anais do Simpósio Latino-Americano de Estudos de Desenvolvimento Regional, IJUÍ - RS - BRASIL, v. 3, n. 1, 2023. Disponível em: https://publicacoeseventos.unijui.edu.br/index.php/slaedr/article/view/22969. Acesso em: 25 maio. 2024.

Edição

Seção

ST5 – Cooperativismo, economia colaborativa e desenvolvimento