ESTABELECIMENTOS AGROPECUÁRIOS, ORGANIZAÇÕES COLETIVAS E DIMENSÕES SOCIOECONÔMICAS:

UM ESTUDO DA REGIÃO DO MATOPIBA

Autores

  • Laudelina Alves Ribeiro PPGDRA/UNIOESTE
  • Ricardo Rippel PPGDRA/UNIOESTE

Palavras-chave:

Produção, Economia Regional, Desenvolvimento Regional

Resumo

A região do Matopiba é considerada a nova fronteira agrícola por exibir particularidades em relação a tecnologia empregada, e pelo uso e ocupação das terras. O objetivo deste estudo foi analisar a influência das organizações coletivas e das dimensões socioeconômicas sobre a produção dos estabelecimentos agropecuários na região do Matopiba em 2017. A metodologia empregada foi a Análise Fatorial por meio do método dos componentes principais. Os resultados evidenciam que os estabelecimentos agropecuários dos municípios que possuem bons resultados socioeconômicos e a associação às organizações coletivas detêm um desempenho melhor na produção da região.

Biografia do Autor

Laudelina Alves Ribeiro, PPGDRA/UNIOESTE

Doutoranda em Desenvolvimento Regional e Agronegócio NO PPGDRA/UNIOESTE. Mestra em Economia pelo PPGE/UNIOESTE. Bolsista CAPES.

Ricardo Rippel, PPGDRA/UNIOESTE

Professor do PPGDRA/UNIOESTE. Doutor em Demografia pela UNICAMP.

Referências

ALVES, L. R.; FERRERA DE LIMA, J. COOPERATIVISMO AGROPECUÁRIO E DE CRÉDITO DO BRASIL DO AGRONEGÓCIO. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, Taubaté, v. 14, n. 2, Ed. Especial, p. 558-587, jan., 2018.

BARTLETT, M. S. A note on the multiplying factors for various c² approximations. Journal of the Royal Statistical Society, v. 16, n. 2, p. 296-298, 1954.

BRUE, S. História do pensamento econômico. São Paulo: Thomson Learning, 2006.

BUAINAIN, A. M.; GARCIA, J. R.; VIEIRA FILHO, J. E. R. A economia agropecuária do Matopiba. Estudos Sociedade e Agricultura, v. 26, n. 2, p. 376-401, jun./set., 2018.

CANQUERINO, Y. K.; BERTOLINI, G. R. F. A DISCUSSÃO CIENTÍFICA SOBRE O COOPERATIVISMO E O DESENVOLVIMENTO LOCAL. Informe GEPEC, Toledo, v. 23, n. 2, p. 9-28, jul./dez., 2019.

CASTRO, C. N. A AGRICULTURA NO NORDESTE BRASILEIRO: OPORTUNIDADESE LIMIRATAÇÕES AO DESENVOLVIMENTO. Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, Rio de Janeiro, Texto para discussão 1786, p. 1-43, nov., 2012.

CRAVEIRO, S. A. SOBRINHO, O. P. L. SANTOS, F. I. O. OLIVEIRA, L. S. PEREIRA, A. I. S. DIAGNÓSTICO SITUACIONAL SOBRE O USO DE AGROTÓXICOS POR AGRICULTURES FAMILIARES DO CAMPO AGRÍCOLA FOMENTO EM CODÓ, MARANHÃO, BRASIL. Revista Saúde e Meio Ambiente – RESMA, Três Lagoas, Edição Especial, v. 9, n. 3, p. 1-14, ago./dez., 2019.

FARIAS, F. R.; ESPÍNDOLA, C. J. O cooperativismo agropecuário do Sul do Brasil a partir da conjuntura econômica dos anos 1980: alteração territorial de seu centro dinâmico. Geosul, Florianópolis, v. 31, n. 61, p. 227-248, jan./jun., 2016.

FÁVERO, L. P.; BELFIORE, P. Manual de análise de dados. Rio de Janeiro: Elsevier, 2017.

FEDERAÇÃO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO (FIRJAN). 2021. Evolução do IFDM Educação – 2005 a 2016. Disponível em: <https://firjan.com.br/ifdm/downloads/>. Acesso em: 20 out. 2021.

FIORIN, J. A (org.). Introdução ao Cooperativismo. Ijuí: Sapiens Editora, 2007.

FUNDAÇÃO CENTRO DE PESQUISAS ECONÔMICAS E SOCIAIS DO PIAUÍ (CEPRO). 2016. O IDH DOS MUNICÍPIOS DO PIAUÍ POR TERRITÓRIO DE DESENVOLVIMENTO. Disponível em: <http://www.cepro.pi.gov.br/download/201702/CEPRO20_5e483dee73.pdf>. Acesso em: 24 nov. 2021.

GARCIA, J. R.; VIEIRA FILHO, J. E. R. O papel da dimensão ambiental na ocupação do MATOPIBA. Confins, n. 35, out., 2018.

GARCIA, U. S.; RIBEIRO, L. A.; SILVA, J. S.; SHIKIDA, P. F. A. DINÂMICA SOCIOECONÔMICA E TECNOLÓGICA MUNICIPAL DA PRODUÇÃO CANAVIEIRA NA REGIÃO DO MATOPIBA (BRASIL). Organizações Rurais & Agroindustriais, Lavras, v. 23, p. 1-16, 2021.

GARCIA, U. S.; WANDER, A. E.; MUNIZ, L. C.; CUNHA, C. A. Dimensões fatoriais determinantes da inovação tecnológica e os aspectos competitivos da orizicultura em São Mateus do Maranhão (MA, Brasil). Revista Tecnologia e Sociedade, Curitiba, v. 16, n. 42, p.106-122. jul./set., 2020.

GRUMBOWSKY, A. JURASZEK, L. NOERNBERG, E. I. MAIA, E. D. W. EDUCAÇAO E DESENVOLVIMENTO REGIONAL: A UNESCO E AS INTERAÇÕES COM O DESENVOLVIMENTO REGIONAL. Interação – Revista de Ensino, Pesquisa e Extensão, Varginha, v. 22, n. 2, p. 79-83, out., 2020.

GUIMARÃES, D.; AMARAL, G.; NASCIMENTO, J. C.; MORCH, R. O BNDES e o apoio às cooperativas agropecuárias e agroindustriais. BNDES Setorial, Rio de Janeiro, n. 42, p. 471-498, set., 2015. Disponível em: <https://web.bndes.gov.br/bib/jspui/handle/1408/9594?mode=full>. Acesso em: 14 nov. 2021.

HAIR JÚNIOR, J. F; BLACK, W. C.; BABIN, B. J. ANDERSON, R. E.; TATHAM, R. L. Análise multivariada de dados. 6. ed. Porto Alegre: Bookman, 2009.

HOFFMANN, R. A dinâmica da modernização da agricultura em 157 microrregiões homogêneas do Brasil. Revista de Economia e Sociologia Rural, Brasília, v. 30, n. 4, p. 271-290, out./dez., 1992.

ILHA, P. C.; LEISMANN, E. L.; RIPPEL, R. A contribuição socioeconômica das cooperativas agroindustriais do Oeste do Paraná. Informe Gepec, Toledo, v. 15, n. 1, p. 165-179, jan./jun., 2011.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). 2021a. Censo Agropecuário 2017. Disponível em: <https://sidra.ibge.gov.br/pesquisa/censo-agropecuario/censo-agropecuario-2017>. Acesso em: 20 out. 2021.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). 2021b. Conheça cidades e estados do Brasil. IBGE Cidades. Disponível em: <https://cidades.ibge.gov.br/>. Acesso em: 24 nov. 2021.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). 2021c. Estimativas de População: população residente estimada (Pessoas). Sistema IBGE de Recuperação Automática (SIDRA). Disponível em: <https://sidra.ibge.gov.br/tabela/6579>. Acesso em: 20 out. 2021.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). 2021d. Malha Municipal. Disponível em: < https://www.ibge.gov.br/geociencias/organizacao-do-territorio/15774-malhas.html?=&t=o-que-e>. Acesso em: 20 out. 2021.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). 2021e. Produto Interno Bruto dos Municípios: Produto Interno Bruto a preços correntes. Sistema IBGE de Recuperação Automática (SIDRA). Disponível em: <https://sidra.ibge.gov.br/tabela/5938>. Acesso em: 20 out. 2021.

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA (IPEA). 2021. Preço: Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Disponível em: <http://www.ipeadata.gov.br/Default.aspx>. Acesso em: 20 out. 2021.

INSTITUTO MARANHENSE DE ESTUDOS SOCIOECONÔMICOS E CARTOGRÁFICOS (IMESC). Produto Interno Bruto dos municípios do estado do Maranhão: 2016. São Luís: IMESC, 2018.

INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA (INEP). 2021a. Taxas de Distorções Idade-série. Disponível em: <https://www.gov.br/inep/pt-br/acesso-a-informacao/dados-abertos/indicadores-educacionais/taxas-de-distorcao-idade-serie>. Acesso em: 22 out. 2021.

INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA (INEP). 2021b. Sinopse Estatística da Educação Básica 2017. Disponível em: < https://www.gov.br/inep/pt-br/acesso-a-informacao/dados-abertos/sinopses-estatisticas/educacao-basica>. Acesso em: 22 out. 2021.

JOHNSTON, F. L.; SANTANA, A. S.; SANTOS, G. R. Produção agropecuária e cooperativismo na região sul do Brasil: destaques dos dados do censo agropecuário de 2017. Boletim regional, urbano e ambiental, 23, Ed. Especial Agricultura, p. 135-147, 2020. Disponível em: <http://repositorio.ipea.gov.br/handle/11058/10484>. Acesso em: 14 nov. 2021.

MARQUES, M. D.; SILVA, R. O.; DIAS, J. Desenvolvimento territorial no MATOPIBA: análise a partir dos fluxos de comércio entre os anos 2000 e 2018. Nexos econômicos, v. 14, n. 1, p. 110-132, jan./jun., 2020.

MINGOTI, R.; BRASCO, M. A.; HOLLER, W. A.; LOVISI FILHO, E.; SPADOTTO, C. A. 2014. Matopiba: caracterização das áreas com grande produção de culturas anuais. Disponível em: <https://www.embrapa.br/busca-de-publicacoes/-/publicacao/991059/matopiba-caracterizacao-das-areas-com-grande-producao-de-culturas-anuais>. Acesso em: 20 out. 2021.

MINGOTI, S. A. Análise de dados através de métodos de estatística multivariada: uma abordagem aplicada. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2005.

MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, PECUÁRIA E ABASTECIMENTO (MAPA). Portaria n. 244, de 12 de novembro de 2015. Diário Oficial da União, Brasília, seção 1, n. 217, 13 de nov. de 2015. Disponível em: <https://pesquisa.in.gov.br/imprensa/jsp/visualiza/index.jsp?data=13/11/2015&jornal=1&pagina=8&totalArquivos=336>. Acesso em: 10 out. 2021.

MINISTÉRIO DO TRABALHO (MTB). 2021. RAIS Estabelecimento Id – Qtd Vínculos CLT – Qtd Vínculos Estatutários. Disponível em: <https://bi.mte.gov.br/bgcaged/>. Acesso em: 22 out. 2021.

MIRANDA, E. E.; MAGALHÃES, L. A.; CARVALHO, C. A. 2014a. NT n. 1: “Proposta de delimitação territorial do Matopiba”. Disponível em: <https://www.cnpm.embrapa.br/projetos/gite/projetos/matopiba/index.html>. Acesso em: 25 mar. 2021.

MIRANDA, E. E.; MAGALHÃES, L. A.; CARVALHO, C. A. 2014b. NT n. 2: “Proposta de um sistema de inteligência territorial estratégica para o Matopiba”. Disponível em: <https://www.cnpm.embrapa.br/projetos/gite/projetos/matopiba/index.html>. Acesso em: 25 mar. 2021.

MORAES, J. L. A.; SCHWAB, P. I. O papel do cooperativismo no fortalecimento da agricultura familiar. Revista do CEPE, Santa Cruz do Sul, n. 49, p. 67-79, jan./jun., 2019.

NEVES, M. C. R.; CASTRO, L. S.; FREITAS, C. O. O impacto das cooperativas na produção agropecuária brasileira: uma análise econométrica espacial. Revista de Economia e Sociologia Rural, v. 57, n. 4, p. 559-576, out./dez., 2019.

OLIVEIRA, N. M. Desenvolvimento regional e territorial do Tocantins. Palmas, TO: Universidade Federal do Tocantins/EDUFT, 2019.

ORGANIZAÇÃO DAS COOPERATIVAS NO BRASIL (OCB). 2020. Anuário do Cooperativismo Brasileiro. Disponível em: <https://www.ocb.org.br/publicacao/79/anuario-do-cooperativismo-brasileiro>. Acesso: 14 nov. 2021. PEREIRA, C. N.; PORCIONATO, G. L.; CASTRO, C. N. Aspectos socioeconômicos da região do Matopiba. Boletim regional, urbano e ambiental, n.18, p. 47-59, jan./jun. 2018.

PEREIRA, L. I.; PAULI, L. O processo de estrangeirização da terra e expansão do agronegócio na região do MATOPIBA. CAMPO-TERRITÓRIO: Revista de Geografia Agrária, Edição Especial, v. 11, n. 23, p. 196-224, jun., 2016.

RAMBORGER, B. M.; BORBA, M. C.; RAMOS, J. E. S.; KINDLEIN, L. CAPACIDADES DINÂMICAS EM COOPERATIVAS: ADAPTANDO-SE AS MUDANÇAS CONTEMPORÂNEAS. Informe GEPEC, Toledo, v. 25, n. 2, p. 9-22, jul./dez., 2021.

REZENDE, M. L.; FERNANDES, L. P. S.; SILVA, A. M. R. UTILIZAÇÃO DA ANÁLISE FATORIAL PARA DETERMINAR O POTENCIAL DE CRESCIMENTO ECONÔMICO EM UMA REGIÃO DO SUDESTE DO BRASIL. Revista Economia e Desenvolvimento, n. 19, p. 92-109, 2007.

RIBEIRO, L. C. S.; LÔBO, A. S.; SILVA, L. D.; ANDRADE, N. F. S. Padrões de crescimento econômico dos municípios do MATOPIBA. Revista de Economia e Sociologia Rural, v. 58, n. 3, p. 1-17, 2020.

SANTOS FILHO, J. I.; TALAMINI, D. J. D.; SCHEUERMANN, G. N.; BERTOL, T. M. Potencial do Matopiba na produção de aves e suínos. Revista de Política Agrícola, Ano XXV, n. 2, p. 90-102, abr./mai./jun., 2016.

SANTOS, E. L. O. A presença de cooperativas na área de produção de grãos: um estudo da participação nordestina do Matopiba. Teoria e Evidência Econômica, v. 18, n. 39, p. 236-245, jul./dez., 2012.

SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS (SEBRAE). 2009. ASSOCIAÇÃO – SÉRIE EMPREENDIMENTOS COLETIVOS. Disponível em: <http://www.ibere.org.br/anexos/325/2816/associacao-pdf>. Acesso em: 26 out. 2021.

SILVA, N. C. N.; FERREIRA, W. L.; CIRILLO, M. Â.; SCALON, J. D. O USO DA ANÁLISE FATORIAL NA DESCRIÇÃO E IDENTIFICAÇÃO DOS PERFIS CARACTERÍSTICOS DE MUNICÍPIOS DE MINAS GERAIS. Revista Brasileira de Biometria, São Paulo, v. 32, n. 2, p. 201-2015, 2014.

SOUZA, G. V. A.; PEREIRA, M. F. V. MATOPIBA: a Inteligência Territorial Estratégica (ITE) e a regionalização como ferramenta. Revista NERA, Presidente Prudente, v. 22, n. 47, p. 22-45, dossiê MATOPIBA, 2019.

STABACK, D. F.; SCHMIDT, C. M.; WILLERS, E. M. A EDUCAÇÃO COOPERATIVISTA NA VISÃO DO COOPERADO: O CASO DA C. VALE. In: SHIKIDA, P. F. A.; GALANTE, V. A.; CATTELAN, R. (orgs.). AGRONEGÓCIO PARANAENSE: potencialidades e desafios II. Foz do Iguaçu: IDESF, 2020, p. 180-199.

Downloads

Publicado

2023-06-06

Como Citar

RIBEIRO, L. A. .; RIPPEL, R. ESTABELECIMENTOS AGROPECUÁRIOS, ORGANIZAÇÕES COLETIVAS E DIMENSÕES SOCIOECONÔMICAS:: UM ESTUDO DA REGIÃO DO MATOPIBA. Anais do Simpósio Latino-Americano de Estudos de Desenvolvimento Regional, IJUÍ - RS - BRASIL, v. 3, n. 1, 2023. Disponível em: https://publicacoeseventos.unijui.edu.br/index.php/slaedr/article/view/22882. Acesso em: 12 abr. 2024.

Edição

Seção

ST5 – Cooperativismo, economia colaborativa e desenvolvimento