A OLIVICULTURA NA REGIÃO DA CAMPANHA: REPERCUSSÕES TERRITORIAIS E NOVAS CONFIGURAÇÕES SOCIOESPACIAIS.

  • Josiane Sanches
  • Antonio Paulo Cargnin
Palavras-chave: Desenvolvimento Regional, Olivicultura, Transformações Socioespaciais, Repercussões Territoriais

Resumo

Em desenvolvimento e expansão no estado, a produção da olivicultura se mostra muito promissora
como alternativa para a complementação da estrutura produtiva e para o desenvolvimento regional.
Preocupado com essa temática, este artigo analisa possíveis repercussões territoriais e mudanças
nas configurações socioespaciais resultantes do processo de consolidação na olivicultura na região
da Campanha. Em um primeiro momento é situado o quadro teórico e regional que sustenta a
atividade na região estudada. A seguir, é discutida a estrutura produtiva regional e os elementos
condicionantes para a expansão do cultivo. Com base no caso do município de Caçapava do Sul, são
exploradas as características do cultivo e as repercussões territoriais e transformações
socioespaciais dela decorrentes. Por último, são feitas as considerações finais sobre o tema.

Publicado
2018-12-14
Seção
EIXO 2: SISTEMAS PRODUTIVOS E DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL