GRUPO FOCAL ENQUANTO INSTRUMENTO DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES

  • Daiane dos Santos de Jesus Schmitcke UNIJUÍ
  • Cátia Maria Nehring UNIJUÍ
Palavras-chave: Contexto profissional, Escola espaço de formação, Prática reflexiva

Resumo

A profissão docente é marcada pelo dinamismo, aprimoramento teórico conceitual e de renovação3.  Em razão de que todos os dias os professores se deparam com desafios, com novos alunos e necessidades atuais implicadas no seu fazer docente. São questões que impulsionam o professor pela necessidade de refletir sobre seus métodos e logo a buscar novos subsídios teóricos, sem a qual dificilmente este sujeito conseguirá responder a seus enfrentamentos sentidos na prática cotidiana.

Para acompanhar essa renovação a formação precisa acontecer. Encontramos na formação conceitual e pedagógica, um momento rico e ímpar acerca do aperfeiçoamento individual e no coletivo do fazer docente. Nessa perspectiva, Nóvoa (1995) e Imbernón (2010), corroboram que a formação de professores precisa atentar a urgência de uma cultura profissional na centralidade do professorado e uma geração organizacional na escola.

Biografia do Autor

Daiane dos Santos de Jesus Schmitcke, UNIJUÍ

Mestranda do Programa em Educação nas Ciências – UNIJUÍ. Graduada em Pedagogia. schmitckedaiane@gmail.com

Cátia Maria Nehring, UNIJUÍ

Professora da UNIJUÍ. Programa de Pós-Graduação em Educação nas Ciências. Orientadora. catia@unijui.edu.br

Publicado
2020-12-23
Seção
6 - Práticas pedagógicas, formação de professores e formação continuada