CULTURA ESCOLAR x CULTURA DIGITAL: REPENSAR HÁBITOS EDUCACIONAIS À LUZ DAS NOVAS TECNOLOGIAS

  • Gian Ruschel UNIJUI
  • Josei Fernandes Pereira UNIJUI
  • Mariana Borba Trevisan UFSM
Palavras-chave: Cibercultura. Educação. Tecnologia.

Resumo

A pandemia da Sar-Cov-2 (COVID-19) trouxe uma série de restrições e desafios em todas as áreas da vida humana como saúde, economia e educação. De acordo com as orientações da OMS (Organização Mundial de Saúde), o contato físico deveria ser minimizado apenas ao necessário, sendo imperativo um processo de readaptação então tivemos que nos adaptar em relação a muitas atividades do viver cotidiano. Esse processo de mudança em vistas do distanciamento social afetou diretamente milhões de estudantes que tiveram de migrar do ensino presencial para um ensino remoto emergencial. Depois das orientações do Conselho Nacional de Educação (CNE), as atividades presenciais foram suspensas por tempo indefinido, oferecendo novos desafios a todos os envolvidos, direta ou indiretamente, a saber: os alunos, professores, famílias, gestores públicos e funcionários das instituições de ensino em geral. Sem os meios tradicionais de ensino, alunos dispostos em fila na sala de aula e o tradicional quadro negro, as escolas tiveram que buscar novos meios para atender às demandas educacionais.

Publicado
2021-06-01
Seção
7 - Educação digital e tecnologia