UMA BREVE INVESTIGAÇÃO SOBRE O ENSINO DE MATEMÁTICA NO ENSINO FUNDAMENTAL

  • Jéssica Eduarda Kuhn IFFar – Campus Santa Rosa
  • Alexsandra Isabela Gregory Bonkevich IFFar – Campus Santa Rosa
  • Maiara Taiane Reschke IFFar – Campus Santa Rosa
  • Alexandre José Krul IFFar – Campus Santa Rosa
Palavras-chave: Constituição docente. Formação inicial. Prática de ensino.

Resumo

A educação escolar é um desafio que se coloca aos professores e aos estudantes (crianças, jovens e adultos), ou seja, envolve, em algum momento da vida, todos os cidadãos de uma sociedade. Nos estudos de História da Educação e Filosofia da Educação compreendemos que a educação escolar nem sempre existiu, e que em cada tempo e espaço houve formas diferentes de se ensinar.

Olhares sobre todos os breves anos que cursamos o Ensino Fundamental e o Ensino Médio ouvíamos, como alunas, relatos dos/as nossos/as professores/as de matemática sobre os desafios do exercício da profissão. Naquele tempo as percepções eram de que muitos esforços eram realizados por alguns professores que utilizavam de diferentes metodologias didáticas para nos ensinar os conteúdos curriculares. E, às vezes, até nos queixamos de outros professores que eram pouco criativos e que usavam sempre as mesmas metodologias. Hoje, como licenciandas, sentimos a necessidade de compreender as atividades educativas escolares como que olhando para os bastidores. Como alunas da educação básica nosso objetivo era aprender o conteúdo ensinado, agora, como licenciandas, queremos entender o que acontece e o que os professores pensam sobre sua própria profissão, no que se refere a suas constituições identitárias nesta trama que inicia na formação inicial e se modifica também no acontecer do exercício profissional.

Publicado
2020-12-23
Seção
6 - Práticas pedagógicas, formação de professores e formação continuada