PEDAGOGIA QUEER: UMA POSSIBILIDADE PEDAGÓGICA DE REFLEXÃO SOBRE AS IDENTIDADES

  • Stéfani da Silva Korb
  • Luciana Valquíria Kremin Mai

Resumo

O presente estudo busca debater sobre a pedagogia Queer como possibilidade pedagógica de reflexão sobre a construção das identidades sexuais e de gênero. Para tanto, primeiramente buscamos apresentar o conceito e o processo de construção histórica e social da Teoria Queer, e em seguida desenvolver a ideia de uma pedagogia Queer articulada com os estudos sobre gênero e sexualidade. Buscamos defender a ideia de pedagogia Queer como possibilidade de reflexão sobre os discursos que buscam normatizar os sujeitos enquadrando-os em categorias de acordo com suas identidades. Para tanto, a metodologia utilizada nesse trabalho é uma reflexão crítica de estudos que se debruçam sobre o tema, nos amparando na perspectiva teórica dos estudos pós estruturalistas de inspiração foucaultiana.

Biografia do Autor

Stéfani da Silva Korb

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Educação na Universidade Federal de Pelotas – UFPel. Graduada em Pedagogia pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul – UNIJUÍ. Bolsista CAPES.

Luciana Valquíria Kremin Mai

Doutoranda no Programa de Pós-Graduação em Educação na Universidade Federal de Pelotas – UFPel. Mestre em Desenvolvimento e Políticas Públicas pela Universidade Federal da Fronteira Sul – UFFS. Graduada em Psicologia pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul – UNIJUÍ.

Publicado
2020-12-23
Seção
13 - Gênero, sexualidade e educação