LIVROS DIDÁTICOS DE CIÊNCIAS: UMA ANÁLISE NA BIBLIOTECA DIGITAL DE TESES E DISSERTAÇÕES (BDTD) (2015-2020)

  • Cleiton Edmundo Baumgratz Universidade Federal da Fronteira Sul campus Cerro Largo - RS
  • Eloisa Antunes Maciel Universidade Federal da Fronteira Sul campus Cerro Largo - RS
  • Erica do Espirito Santo Hermel Universidade Federal da Fronteira Sul campus Cerro Largo - RS
Palavras-chave: Currículo. Ensino de Ciências. Formação de professores. Pós-graduação.

Resumo

Nas últimas décadas, é possível observar que o Livro Didático (LD) tornou-se foco de estudo por educadores pesquisadores, principalmente por ser um dos recursos mais utilizados em sala de aula, por isso, desde o conteúdo abordado e as atividades propostas até os recursos imagéticos são alvo de pesquisas e investigações. Segundo Rosa (2013, p. 23), a “natureza do LD como ferramenta de apoio pedagógico exige que ele seja pesquisado e conhecido a fundo. De forma contrária, é difícil otimizar o trabalho com este recurso”.

Nesta perspectiva, desde a formação inicial de professores é relevante incentivar os licenciandos que detêm contato com pesquisas que abordam o uso do LD, e que visam a melhoria desta ferramenta, para que, posteriormente, na formação continuada progridam com a análise e a problematização do seu uso.

Publicado
2020-12-23
Seção
10 - Aprendizagem na educação básica: desafios e perspectivas curriculares