O PENSAMENTO EVOLUTIVO E CIENTÍFICO NO LIVRO DIDÁTICO, BNCC E REFERENCIAL CURRICULAR GAÚCHO

  • Francisco Johann Fensterseifer Unijuí
  • Maria Cristina Pansera de Araujo Unijuí
  • Marli Dallagnol Frison Unijuí
Palavras-chave: Ciências Biológicas, Ciências da Natureza, Educação, Educação Básica

Resumo

Este texto socializa resultados de uma pesquisa cujo objetivo foi investigar elementos nos documentos orientadores do ensino, a Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e o Referencial Curricular Gaúcho (RCG), na área de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, e em um livro didático de Biologia, que possibilitam reconhecer preocupações com a história do conhecimento científico, relacionadas a conceitos da Biologia, como possibilidade de desenvolvimento do pensamento teórico por estudantes do Ensino Médio.

Para aprofundar o conhecimento sobre esse tema, realizamos a arte do conhecimento, a partir da análise de Dissertações e Teses do banco da Capes. Para isso, foram utilizados os descritores: “História do conhecimento”, “Evolução”, “Biologia”, “Conhecimento científico” e “História”. Foram encontrados vinte e sete trabalhos (um artigo científico, dezessete dissertações de mestrado e nove teses de doutorado). Dentre esses, destacamos o estudo realizado por Jensen (2016), que abordou a História da Biologia e Ensino, para introduzir episódios da História da Ciência em aulas de Ciências do Fundamental II da escola básica, em especial, na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Biografia do Autor

Francisco Johann Fensterseifer, Unijuí

Acadêmico dos Cursos de Ciências Biológicas (Bacharelado e Licenciatura) da UNIJUÍ.

Maria Cristina Pansera de Araujo, Unijuí

Professora do Departamento de Ciências da Vida (DCVida) da UNIJUÍ.

Marli Dallagnol Frison, Unijuí

Professora do Departamento de Ciências da Vida (DCVida) da UNIJUÍ.

Publicado
2020-12-23
Seção
6 - Práticas pedagógicas, formação de professores e formação continuada