GESTÃO DE RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL EM EXECUÇÃO DE EDIFÍCIO DE CONCRETO ARMADO NA REGIÃO NOROESTE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL

  • Bóris Casanova Sokolovicz UNIJUÍ
  • Gustavo Martins Cantarelli
  • Sabiana Gilsane Mühlen dos Santos

Resumo

A construção civil atua como transformadora da paisagem e consequentemente gera resíduos. Diante das normas ambientais vigentes, os responsáveis técnicos pela execução de obras têm uma responsabilidade sobre o manejo e destinação dos resíduos gerados no canteiro de obras. O despejo irregular desses materiais pode convergir em problemas de ordem ambiental, estética e de saúde pública. A presente pesquisa faz um estudo de caso da gestão de resíduos de construção de demolição na etapa inicial de execução de uma obra de alto padrão situada na cidade de Santo Ângelo (RS). Fez-se o levantamento de dados, classificando o tipo de resíduos gerados no canteiro de obras. Constatou-se que a Construtora opta por materiais que possam ser reaproveitados ao máximo no período de execução. Os resíduos de fôrmas e compensados são os principais subprodutos encontrados e são destinados para a queima em olarias e sauna de um dos clubes da cidade. Assim como, os materiais plásticos são destinados a cooperativa de reciclagem regional.
Portanto, encontrou-se uma gestão de resíduos eficiente para a realidade local, e profissionais com visão de gerenciamento ambiental atendendo a demanda atual do setor nesse aspecto.

Publicado
2018-02-15
Como Citar
SOKOLOVICZ, Bóris Casanova; CANTARELLI, Gustavo Martins; DOS SANTOS, Sabiana Gilsane Mühlen. GESTÃO DE RESÍDUOS DA CONSTRUÇÃO CIVIL EM EXECUÇÃO DE EDIFÍCIO DE CONCRETO ARMADO NA REGIÃO NOROESTE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL. CRICTE, [S.l.], fev. 2018. ISSN 2318-3438. Disponível em: <https://publicacoeseventos.unijui.edu.br/index.php/cricte/article/view/8936>. Acesso em: 16 set. 2019.
Seção
Engenharia Civil