CONHECIMENTOS NECESSÁRIOS PARA DESENVOLVIMENTO DE SITUAÇÃO DE ESTUDO

  • Bruno Guilherme Sczmanski Roesler
  • Ezequiel Marques Barbosa
  • Maria Cristina Pansera de Araújo
Palavras-chave: Aprendizagem. Currículo. Professor.

Resumo

As dificuldades de aprendizagem escolar podem ser entendidas como obstáculos encontrados por alunos no período de escolarização referente à captação ou assimilação dos conteúdos propostos. Uma das soluções pode ser a reorganização do currículo do Ensino de Ciências, em diálogos interdisciplinares com outras áreas da educação básica. A proposta denominada “Situação de Estudo”, elaborada e desenvolvida nos componentes curriculares de Estágio em Ensino de Ciências e de Biologia propõe repensar o currículo instigando novas formas de produzir conhecimento, a partir de problemáticas do cotidiano dos alunos. Isto facilita a interação pedagógica para construção da interdisciplinaridade conceitual e de aprendizagem significativa, além de dinamizar e articular a interrelação de saberes, temas, conteúdos, conceitos-procedimentos, valores e atitudes. Neste sentido, os professores são sujeitos transformadores, reflexivos e pesquisadores de sua própria prática, e devem ter ciência de que os alunos também são indivíduos únicos, com conhecimentos próprios do ambiente e da cultura em que vivem. Para o desenvolvimento da Situação de Estudo, denominada “Consciência Ecológica”, para o Estágio em Ensino de Ciências do Ensino Fundamental, foi necessária a mobilização de conhecimentos específicos aprendidos durante o curso de licenciatura, em que a centralidade está no conceito de “meio ambiente”. A elaboração de um Mapa Conceitual, que facilitasse a identificação dos conceitos-chave, foi realizada de modo que a interação de conteúdos e conceitos pudesse ser visualizada, desde as interações possibilitadas nas descrições, análises e entendimentos propostos com o tema. Os conceitos de biodiversidade, energia, conscientização ambiental, fatores abióticos e bióticos, materiais, substâncias constituíram aspectos relevantes ao ensino do tema, bem como as possibilidades de articulação na área de Ciências da Natureza. Ainda convém salientar, a escolha de um conjunto de atividades práticas e teóricas intencionais, desde um contexto conhecido pelos alunos, escola e comunidade, que precisam ser explicados e compreendidos desde os conhecimentos científicos. A Situação de Estudo, no seu modo interativo e dinâmico, constitui outra maneira de trabalhar em sala de aula. As atividades propostas visam muito mais que a simples “transmissão” de conteúdos, mas a construção de aprendizagens com base no cotidiano dos alunos, que servem como instrumento para a formação de cidadãos conscientes para que possam compreender o espaço em que vivem.

Publicado
2019-07-25