IMPLANTAÇÃO DE TRECHO EXPERIMENTAL EM RODOVIA NÃO PAVIMENTADA PARA MELHORIA DE DESEMPENHO E TRAFEGABILIDADE - ESTUDO DE CASO DA ERS-162

  • Rodrigo Carazzo UNIJUÍ
  • Tainara Kuyven
  • Fernanda Dresch
  • André Luiz Bock

Resumo

As estradas não pavimentadas representam grande importância na malha rodoviária, tanto no contexto Nacional, tendo em vista que apenas 12% das nossas estradas são pavimentadas, quanto no contexto Estadual e principalmente no Municipal no qual somam-se extensões e percentuais muito significativos e merecem atenção especial devido à sua importância para o trânsito de veículos leves e ao escoamento da produção agropecuária, transporte de insumos e deslocamento da população. Tem-se como objetivo principal deste artigo, fazer uma breve apresentação da implantação do trecho experimental, na rodovia não pavimentada ERS-162, entre os municípios de Santa Rosa e Guarani das Missões. No referido trecho foi empregado como técnica alternativa, para melhoria das condições de trafegabilidade, uma mistura de solo do subleito natural com agregados minerais, denominada de Solo-Agregado.
Publicado
2018-02-15
Como Citar
CARAZZO, Rodrigo et al. IMPLANTAÇÃO DE TRECHO EXPERIMENTAL EM RODOVIA NÃO PAVIMENTADA PARA MELHORIA DE DESEMPENHO E TRAFEGABILIDADE - ESTUDO DE CASO DA ERS-162. CRICTE, [S.l.], fev. 2018. ISSN 2318-3438. Disponível em: <https://publicacoeseventos.unijui.edu.br/index.php/cricte/article/view/8971>. Acesso em: 17 jun. 2019.
Seção
Engenharia Civil