ESTUDO DE MATERIAIS PARA PROJETO DE UMA VIA NÃO PAVIMENTADA EM ÁREA DE DUNAS: TRILHA DO TALHAMAR – PARQUE NACIONAL DA LAGOA DO PEIXE – TAVARES/RS

  • Camila da Silva Martinatto UNIJUÍ
  • Cezar Augusto Burkert Bastos

Resumo

No Parque Nacional da Lagoa do Peixe, localizado no município de Tavares/RS, encontra-se a denominada Trilha do Talhamar. Esta trilha trata-se de uma via não pavimentada que permite a circulação de veículos pelo interior do Parque, sendo assim, a qualidade da infraestrutura é de suma importância para que as atividades locais sejam desenvolvidas e consequentemente alavancando o turismo pelo Parque. O presente trabalho aborda o estudo de caracterização geotécnica e avaliação das propriedades dos materiais, que serão adotados para o projeto de melhoria da via não pavimentada. Por tratar-se de um subleito de areia em área de dunas, o material existente necessita de reforço na capacidade de suporte e resistência a erosão. A alternativa adotada para a via é utilizar o material comumente conhecido como “barrinho”. Este material vem sendo estudado por pesquisadores como Bastos [1] e Oliveira [2], que afirmam a sua funcionalidade como material alternativo de pavimentação de baixo custo. Com a coleta dos solos foram realizados ensaios no Laboratório de Geotecnia e Concreto da Universidade Federal do Rio Grande, obtendo-se a caracterização geotécnica convencional e pela metodologia MCT.

Publicado
2018-02-15
Seção
Engenharia Civil