ESTABILIZAÇÃO DE MISTURAS DE SOLO ARGILOSO E RESÍDUO DE CONSTRUÇÃO CIVIL COM CIMENTO PORTLAND PARA USO EM PAVIMENTOS

  • Claudio Queiroz UNIJUÍ
  • Bruna Uhde
  • Nicole Callai
  • Anna Paula Zappe
  • Carlos Wayhs

Resumo

O presente estudo busca avaliar a estabilização de misturas de solo argiloso laterítico de Ijuí/RS e resíduo de construção civil (RCC) através da adição de cimento Portland, para emprego em bases e subbases de pavimentos. A pesquisa se dará através da realização de ensaios laboratoriais com uma mistura constituída por 60% de solo argiloso e 40% de RCC, estabilizada com a adição de cimento Portland CP II-F 32 nos teores de 5%, 6% e 7%, afim de obter sua Resistência à Compressão Simples, buscando atingir 2100 kPa aos 7 dias de cura. A pesquisa está em andamento e até o momento foram realizados os ensaios de caracterização da mistura solo-RCC. Os índices de consistência da mistura apresentaram resultados. No entanto, devido a porcentagem passante na peneira nº200, a mistura não atendeu um parâmetro de granulometria da norma. Apesar disso, os resultados são positivos e impulsionam o seguimento da pesquisa.

Biografia do Autor

Bruna Uhde
Bruna T. Uhde
Publicado
2018-02-15
Como Citar
QUEIROZ, Claudio et al. ESTABILIZAÇÃO DE MISTURAS DE SOLO ARGILOSO E RESÍDUO DE CONSTRUÇÃO CIVIL COM CIMENTO PORTLAND PARA USO EM PAVIMENTOS. CRICTE, [S.l.], fev. 2018. ISSN 2318-3438. Disponível em: <https://publicacoeseventos.unijui.edu.br/index.php/cricte/article/view/8913>. Acesso em: 25 jun. 2019.
Seção
Engenharia Civil