UMA NOVA VIA DE ACESSO PARA A UNIVERSIDADE PROPORCIONANDO UMA REDUÇÃO DO FLUXO EM HORÁRIOS DE MAIOR MOVIMENTO

  • Luísa Zamin
  • Igor Norbert Soares

Resumo

O ingresso em uma faculdade de ensino superior é um dos grandes objetivos dos cidadãos, visto que muitas vezes a única alternativa é deslocar-se de sua cidade de origem quase que diariamente para fins de estudo. Dessa forma, o objetivo dessa pesquisa é desenvolver uma proposta de melhoria dos acessos existentes e projeto de um novo acesso, bem como melhoria do fluxo de veículos e pessoas, no campus da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul, apoiando-se em uma metodologia de coleta de dados relacionada com a quantificação de veículos que entram e as formas de locomoção que professores, alunos e funcionários utilizam para ir e vir, além de pesquisas em livros e artigos. A Unijuí conta com 4.496 alunos, desses 2.201 estudam no período noturno. Contudo um grande contingente desses não possuem transporte próprio e vem de ônibus ou carona. A partir disso, vê-se que no horário entre as 18:50 e 19:30 há uma grande concentração de veículos na entrada da universidade, visto que as aulas iniciam as 19:10, acarretando em uma redução da mobilidade na entrada principal. Com base no desenvolvimento desse projeto, a instituição, teria duas vias de acesso, uma pela Rua do Comércio e outra pela Rua Carlos Zimpel – Rua de asfalto que dá acesso ao Hospital Veterinário. Por conseguinte, uma nova via de entrada e a melhoria das vias existentes facilitariam o acesso para ônibus e carros, pelo fato de não haver tanta concentração de veículos na Rua do comércio, fazendo com que o trânsito flua com maior rapidez.

Publicado
2019-02-08
Seção
Artigos