UNIDADE DE APRENDIZAGEM COMO PRÁTICA PEDAGÓGICA NO ENSINO DE QUÍMICA: EXPERIMENTAÇÃO

  • Andressa Fischer
  • Jaqueline Balconi
  • Daniel Rodrigo Ledra Sezerino
  • Letícia Poras Reis de Moraes
  • Maria Aparecida Oliveira Moreira
  • Rodrigo Steinmetz
  • Concetta Schifino Ferraro
  • Eduardo Fischli Laschuk

Resumo

ESTE ARTIGO VISA REFLETIR SOBRE ALGUNS QUESTIONAMENTOS COMO, POR EXEMPLO, DE QUE FORMA É POSSÍVEL MELHORAR E QUALIFICAR O PROCESSO ENSINO APRENDIZAGEM AO QUAIS PROFESSORES E ALUNOS SE DEPARAM? BUSCANDO ALTERNATIVAS PARA MELHORAR ESTE PROCESSO, AS UNIDADES DE APRENDIZAGENS SÃO PROPOSTAS POSSÍVEIS PARA SE CRIAR SITUAÇÕES DE APRENDIZAGEM MAIS DINÂMICAS E INTERESSANTES. ASSIM, DIANTE DAS REFLEXÕES FEITAS A RESPEITO DA EDUCAÇÃO NO CONTEXTO ATUAL, AS UNIDADES DE APRENDIZAGENS, CITADAS ACIMA, SÃO SUGESTÕES QUE ORGANIZAM O ENSINO ATRAVÉS DE NÚCLEOS TEMÁTICOS RELEVANTES E QUE SE BASEIAM NA INVESTIGAÇÃO E COMPREENSÃO DA REALIDADE, SENDO ÚTEIS PARA IMPLANTAR ESSA PERSPECTIVA DE EDUCAÇÃO, NAS QUAIS OS ALUNOS DESENVOLVEM HABILIDADES, ATITUDES E VALORES. PARA TANTO, FOI DESENVOLVIDA A UNIDADE DE APRENDIZAGEM “CIÊNCIA FORENSE”, CUJO MAPEAMENTO SERÁ APRESENTADO A SEGUIR. O OBJETO DESTE ESTUDO FOI DESENVOLVIDO ATRAVÉS DA EXPERIMENTAÇÃO.
Publicado
2013-10-03
Seção
Apresentação Oral