A AFETIVIDADE NA RELAÇÃO PROFESSOR ALUNO NA CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE DISCENTE NO PROEJA

  • Roselaine Lopes da Rocha Instituto Federal Farroupilha – Câmpus São Borja
  • Denis da Silva Garcia Instituto Federal Farroupilha – Câmpus São Borja

Resumo

TEM-SE COMO OBJETIVO ELUCIDAR A INFLUÊNCIA DO RELACIONAMENTO AFETIVO ENTRE PROFESSORE ALUNOS NO PROEJA ABORDANDO A QUESTÃO DA RELAÇÃO AFETIVA ENTRE ELES E SE ESSA AFETIVIDADEOU A FALTA DELA AFETA A APRENDIZAGEM E NA CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE DO ALUNO TANTO PESSOALCOMO PROFISSIONAL. ESSA DISCUSSÃO É TÃO ANTIGA QUANTO INACABADA, ISSO SE DÁ AO FATO DO ALUNOADULTO ESTAR JÁ AMADURECIDO E INDEPENDENTE. O ALUNO ADULTO DIFERENTE DA CRIANÇA, CRITICA,ANALISA, E USA EXPERIÊNCIAS JÁ VIVIDAS. COM ISSO, O PAPEL DO PROFESSOR AO DESENVOLVER SUAS AULASPODE SER MAIS DE UM INTERMEDIADOR E ORIENTADOR E NÃO DE UMA AUTORIDADE QUE SOZINHO DECIDE OQUE É OU NÃO NECESSÁRIO QUE OS ALUNOS APRENDAM. A PROPOSTA É REFLETIR SOBRE A IMPORTÂNCIA DEUMA TOMADA DE CONSCIÊNCIA DO PAPEL DE EDUCADOR NO PROEJA.

Biografia do Autor

Roselaine Lopes da Rocha, Instituto Federal Farroupilha – Câmpus São Borja
Aluna do Curso Pós-graduação em nível de Especialização em Educação Profissional Integrada aEducação Básica na Modalidade de Educação de Jovens e Adultos do Instituto Federal Farroupilha –Câmpus São Borja
Denis da Silva Garcia, Instituto Federal Farroupilha – Câmpus São Borja

Professor do Instituto Federal Farroupilha – Câmpus São Borja.

Publicado
2013-09-30
Seção
Pôster